segunda-feira, março 05, 2007

"O Português traz no sangue todos os defeitos da Raça. Á sua ansia de ambição e glória deve a sua audácia; á sua volubilidade e egoismo- a sua nevrose de aventureiro. Os seus defeitos, são afinal a razão de ser de toda a sua Epopeia!"

in "Mercador de Ilusões" de Francisco Leão 1934

1 comentário:

Conceição Bernardino disse...

Avancemos com o amor

avancemos com o amor
porque a partir de hoje
esquecemos tudo o que
nos soa a duvidoso
valor estendemos nas
mãos o tecido das nossas
trocas amor vem comigo
retomar o caminho em
que nos soltámos um dia
em passeios pela
alma

Poema da autora “Marita Ferreira” do livro “Múltiplos de ti”

Vale apena reflectir neste poema está cheio de verdade
Beijinhos
ConceiçãoB
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com